Pular para o conteúdo principal

Destaques

Lançamento do Unicom Conflitos reúne profissionais para debate com alunos

A nova edição do Jornal Unicom, produzida em cima do tema “Conflitos que transformam”, teve o lançamento oficial na noite dessa segunda-feira, 27, em um evento onde o assunto central da publicação foi debatido. Mediado pelo professor Demétrio de Azeredo Sóster, o debate iniciou após as 19h30, no auditório do Memorial da Unisc, e teve como convidados à mesa o jornalista Rodrigo Lopes, a psicóloga e socióloga Gabriela Maia e o sociólogo e professor Luiz Augusto Campis.
No primeiro momento, os três convidados tiveram a oportunidade de falar sobre conflitos que transformam – para o bem ou para o mal – a partir das perspectivas profissionais e pessoais de cada um. Quem deu início a essa fase foi Gabriela, que tratou majoritariamente sobre questões de gênero e a violência acerca disso. Dando sequência, com uma perspectiva mais sociológica, Campis falou sobre a Teoria do Conflito Social, de Karl Marx, relacionando-a com a realidade. Para finalizar, Lopes fez uma breve apresentação sobre a …

O artista da voz

Para a próxima edição do Unicom que está por vir, preparo uma reportagem que há muito tempo tenho vontade de fazer. Dublagem é o tema, ou melhor, a substituição da voz original de um filme, desenho, seriado ou novela, pela interpretação de um dublador - créditos para a Wikipédia.

Já tive a oportunidade de conversar com alguns grandes nomes da profissão no Brasil. Um deles é o Nelson Machado. Sim, é ele o dono da voz do Quico, que despertou a curiosidade de tantos visitantes do blog na semana passada. Profissional de dublagem desde o final dos anos sessenta, foi no começo da década de oitenta que foi chamado para o que seria seu papel mais marcante.


Pretendo contar a partir de hoje como foi a entrevista que ele me concedeu - aliás, uma conversa muito agradável de mais de uma hora. Por ora, deixo esse trecho no qual ele denuncia os abusos das grandes empresas que utilizam o trabalho dos dubladores anos a fio sem respeitar a lei do direito sobre a voz. Isso acontece, inclusive, no caso do seriado Chaves. Ouça:


OBS. Além de talentoso, o Nelson é um cara muito legal. Por isso, deixo como dica assistir aos programas produzidos e apresentados por ele na TV Capricórnio. E o contato dele para palestras e eventos é pelos telefones 11 26751310 e 11 83375168, ou pelo e-mail aurea@projetobazar.com.br, com Aurea.

Comentários

  1. Incrível! Ótimo depoimento do ponto de vista jornalístico. Péssimo pelo conteúdo. Como uma emissora com este peso faz isso?

    ResponderExcluir
  2. Taí (mais) uma matéria beeeem interessante; a dos direitos não pagos.

    ResponderExcluir
  3. É verdade.
    Inclusive, Demétrio, acho que uma figura como o Nelson e um assunto desses valeriam um dia de programação de uma SEACOM. Que tal?

    ResponderExcluir
  4. Caramba. Fiquei ansioso pelo restante da entrevista. Muito bom, mesmo. Mais um belo trabalho dos amigos. Estão todos de parabéns.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas