domingo, 31 de maio de 2015

Entre fronteiras

A estrada em que seguimos para algum lugar muitas vezes nos levam à pessoas incríveis. Assim é em nossa vida e também no meio jornalístico. Então para deixá-los com mais vontade de ler o nosso querido Unicom Estradas, venho aqui também dar uma dica legal de um programa.

 Luís Nachbin sabe bem o poder que uma estrada pode ter, aliás o poder transformador. Ele é diretor de um dos programas mais legais (na minha opinião) da televisão aberta brasileira, o Entre Fronteiras. Que vai ao ar pelo Canal Futura.

Luís andou o mundo atrás de histórias, da vida e da batalha diária das pessoas. Ele foi em lugares inusitados onde muitas pessoas tinham receio de ir. Com três temporadas no ar, o Entre Fronteiras é uma maneira de conhecer outras cultuas, aspectos sociais e econômicos de cada região, mas além disso conhecer as histórias surpreendentes da vida de cada pessoa.



Para quem deseja acompanhar o programa, os horários são bem legais para todo mundo poder assistir. Sexta-feira vai ao ar um novo episódio às: 19h30min. As reprises podem ser assistidas de segunda a quinta-feira às 23h30 e no domingo as 19hmin.

Para os que se interessaram, deixo aqui um trecho de um episódio bem legal que eu gostei muito de assistir.

Trecho do episódio 11 "Km 899"

quinta-feira, 28 de maio de 2015

Ensinamentos do Unicom

O jornalismo interpretativo e diversional são gêneros textuais buscados constantemente nas edições do Unicom. Ainda que a linguagem esteja voltada para o chamado jornalismo literário há um constante exercício de interpretação da realidade, da forma de vida, dos hábitos, da relação das fontes com objeto abordado.

O jornalismo interpretativo como o nome já diz e o jornalismo feito a partir da interpretação jornalística de alguém, algum lugar, algum fato, etc. Já o jornalismo diversional aborda através de recursos literários a história de interesse humano e a história colorida que se referente a um prédio ou local onde um fato ocorrido e acabou mudando ou se destruindo.

Seguindo os ensinamentos do docente da disciplina professor doutor Demétrio de Azeredo Soster a prática do jornalismo-laboratorial e essencial para vida de qualquer acadêmico e futuro profissional. Com este ensinamento Demétrio busca fazer os acadêmicos irem “além” do obvio e assarem a conhecer aquilo que cerca a fonte e o objeto de intense da matéria.

Apesar das críticas e da constante invasão há sempre algo que se tente fazer para inovar. Todavia o Unicom, na questão acadêmica já ganhou diversos prêmios sendo reconhecido como exemplo por outras universidades fora de Santa Cruz do Sul como exemplo, como algo que tem como base revistas como a Piauí e revista Realidade.

quarta-feira, 27 de maio de 2015

Transição

Depois de um dia cansativo de trabalho, o final do expediente chegou. Eram 18h30. Bati o cartão com apenas uma ideia na cabeça: ir para casa descansar, afinal, a sexta-feira havia sido extremamente desgastante. Precisava da minha cama. Do meu travesseiro. Esvaziar a mente. Esquecer dos problemas recorrentes da rotina diária. Só queria um pouco de paz. Teria um final de semana inteiro de descanso pela frente

Peguei a estrada e parti. Infelizmente, todo mundo resolveu ter a mesma ideia, no mesmo horário. Centenas de veículos amontoados na rodovia. Para andar um quilômetro, eram necessários pelo menos 10 minutos. Não se ouvia nada além do som de buzinas. Ninguém queria perder um minuto parado no trânsito. Eu estava cansado, irritado. Todos os adjetivos negativos possíveis. O que eu deveria fazer? A única solução era esperar o trânsito fluir, mas sem perder a concentração, que a aquela altura da noite, já estava quase perdida. 

Eis que eu olho para o lado. Não para o veículo parado ao lado. Bem depois do acostamento. Às margens da estrada havia um bar. Não fazia ideia que havia um bar na beira de uma movimentada rodovia. Meu cansaço também clamava por uma cerveja bem gelada. Sim, isso também era uma maneira de esquecer todos os problemas do dia.

Não sei como consegui tirar meu carro do congestionamento. Ao menos ninguém me multou. Então, nada fiz de errado. Estacionei. Desci. Sentei-me em uma das mesas. E pedi para o garçom trazer a mais gelada. Ouvi as mais loucas, engraçadas e inusitadas histórias naquela mesa. Sempre acompanhado do copo de cerveja. Passei a noite ali. Amanheci em uma mesa de bar. Eliminei todos os problemas do dia, acrescentando uma boa dose de diversão. Essa foi a minha transição: da estrada para o bar.

Aguardem o próximo Unicom!

Ainda no clima das estradas...




A primeira edição do Unicom 2015 está quase saindo do forno. Mais alguns ajustes e teremos em mãos o nosso querido “Estradas”. Ainda no clima do jornal temático, sugiro para você, internauta, a série de viagens Não Conta Lá em Casa. Veiculado pelo canal Multishow todas às sextas-feiras, a partir das 18 horas, o programa mescla os formatos de documentário e reality show em uma edição dinâmica com a inserção de bastidores, além de todos os "perrengues" possíveis para chegar aos países planejados.

A ideia é simples: quatro amigos, algumas câmeras e a vontade de conhecer a realidade de territórios quase  inóspitos, que vivem a base de conflitos, pobreza e demais problemas culturais.

Entre os destinos já desbravados estão  África,  Coreia do Norte, Mianmar, Indonésia, Ucrânia, Israel, Palestina e muitos outros. Atualmente integram o programa o jornalista e escritor André Fran, o economista Felipe Ufo e o cineasta Michel Coeli.

Para quem não consegue chegar em casa a tempo, basta acessar este link. Neste caso é necessário criar uma conta de TV por assinatura. Mas daí, se você já é assinante, basta anexar o CPF do responsável pela conta e tchrãm, terá acesso a todas as sete temporadas. 

Uma palinha do que me refiro, pode ser conferida abaixo.


quinta-feira, 14 de maio de 2015

Pensa em uma turma aplicada!

Nem terminamos a 1ª edição do nosso amado Unicom e os preparativos para a 2ª já estão dando o ar da graça. Mais uma vez o desespero do "não tenho ideia ainda" surge. Não sei quanto aos colegas, mas meu tema vai ser lindo pra cachorro!

quarta-feira, 13 de maio de 2015

O poder do jornal-laboratório na vida acadêmica de diversas universidades

Ao chegar perto da divulgação oficial do primeiro jornal-laboratório deste semestre, o Unicom, aumenta ainda mais o frio na barriga. Os colegas que já passaram pela disciplina sempre comentaram sobre a produção do Unicom, que por diversas vezes foi "bombástica". No tema desta edição as estradas vem com a grande mudança em que vivemos ao longo de nossas vidas, seja de cidade, profissão, estilo de vida ou a si mesmo.

Assim como o Unicom, no Brasil vários jornais-laboratórios ganham espaço e força dentro das univerdades. O Jornal o Marco, da PUC Minas é um dos mais antigos do Brasil. Com mais de 40 anos de existência, ele faz oito publicações anuais e movimenta o curso todo.
Acesse aqui o site

Outro exemplo é o Jornal Matéria Prima, feito todo pelos alunos da Unicesumar. Além do engajamento de todos os alunos, o jornal possuí página no facebook e também um site.
Acesse aqui o site 

Tem mais alguma indicação de jornais-laboratórios? Compartilha com a gente.

quarta-feira, 6 de maio de 2015

Divulgando o primeiro Unicom do semestre

A metade do semestre está aí, e o primeiro Unicom no forno quase prontinho. Agora que nossas matérias já foram feitas damos lugar à divulgação do nosso trabalho. O tema desta edição é Estradas, como caminho, rota de transformação e jornada de mudanças na vida de cada pessoa. Com isto em mente, desenvolvi quatro pôsteres que evocam o sentimento de liberdade, e a estrada como plano de fundo para a evolução. Vem ver:




 Você vai ver eles pelos campus da universidade nos próximos dias e também nos perfis pessoais do pessoal que está fazendo o jornal Unicom neste semestre. :)

sexta-feira, 1 de maio de 2015

Veja e inspire-se

Feriado do Dia do Trabalho chegando ao fim... Mas, acalme-se! O final de semana está todo sorridente batendo à porta. Em uma pesquisa rápida, encontrei uma postagem feita no portal IG que, talvez, possa ajudá-lo(a) a encarar o friozinho do "findi" e, ainda, inspirá-lo(a) a arrumar as malas e colocar o pé na estrada (alguém aí falou em falta de tempo e dinheiro?). Veja abaixo o "top 10" dos filmes selecionados pela repórter do IG Camila Sayuri.

1- Meia-noite em Paris (2011);
2 - A Praia (2000);
3 - Na Natureza Selvagem (2007);
4 - Albergue Espanhol (2002);
5 - Up - Altas Aventuras (2009);
6 - Encontros e Desencontros (2003);
7- Mamma Mia! (2008);
8 - Sideways – Entre Umas e Outras (2004);
9 - Comer, Rezar, Amar (2010);
10 - Sob o Sol da Toscana (2003).

Encontre aqui mais informações sobre as produções.

Colocando o jornal-laboratório de cabeça pra cima


Fazendo algumas pesquisas sobre jornais-laboratório, encontrei este texto de opinião, escrito por Wilson da Costa Bueno, em 2012. O autor é jornalista, professor da Umesp e diretor.

 

[...]...o jornal-laboratório não se resume a um espaço para ensino de técnicas, mas para um fórum permanente, um processo rico em que prevalecem a inquietude, a investigação, o espírito crítico, a disposição para “enxergar além da notícia”.