Pular para o conteúdo principal

Destaques

Lançamento do Unicom Conflitos reúne profissionais para debate com alunos

A nova edição do Jornal Unicom, produzida em cima do tema “Conflitos que transformam”, teve o lançamento oficial na noite dessa segunda-feira, 27, em um evento onde o assunto central da publicação foi debatido. Mediado pelo professor Demétrio de Azeredo Sóster, o debate iniciou após as 19h30, no auditório do Memorial da Unisc, e teve como convidados à mesa o jornalista Rodrigo Lopes, a psicóloga e socióloga Gabriela Maia e o sociólogo e professor Luiz Augusto Campis.
No primeiro momento, os três convidados tiveram a oportunidade de falar sobre conflitos que transformam – para o bem ou para o mal – a partir das perspectivas profissionais e pessoais de cada um. Quem deu início a essa fase foi Gabriela, que tratou majoritariamente sobre questões de gênero e a violência acerca disso. Dando sequência, com uma perspectiva mais sociológica, Campis falou sobre a Teoria do Conflito Social, de Karl Marx, relacionando-a com a realidade. Para finalizar, Lopes fez uma breve apresentação sobre a …

A minha vez de fazer o Unicom

O Unicom apareceu lá em casa pela primeira vez quando realizei a matrícula para o curso de Comunicação Social – Jornalismo. Na época em que eu nem suspeitava quais eram os critérios de noticiabilidade e o que era lead. Isso foi no fim de 2008 ou início de 2009. Desde lá, todo semestre, dois exemplares se acrescentam à coleção. Lá em casa, o Unicom tem uma leitora assídua, além de mim: a minha mãe. Na maioria das vezes, ela lê o jornal antes que eu e já aponta as matérias mais interessantes, com histórias e personagens diferentes.

Edição "Qual a cara da política" vai se somar, em breve,
à coleção de jornais Unicom
Neste semestre, minha mãe acompanhou todo o processo de produção do jornal-laboratório: me viu planejar a pauta, sair para as entrevistas, narrar o que as fontes me disseram, colocar tudo no papel, revisar o jornal. Dia desses, até perguntou: “Vocês já tiraram aquela foto da turma que sai no jornal?”.

É por isso que este Unicom também é para ela. Para ela e tantos outros leitores. Enquanto ela acompanhou minha produção toda de perto, outros tanto viram os bastidores aqui pelo blog. É para os leitores que dedicamos dias inteiros de entrevista, ficamos acordados até a madrugada para revisar o jornal e trocamos milhares de e-mails. A boa notícia é que o jornal está quase chegando!


Comentários

Postagens mais visitadas