Pular para o conteúdo principal

Destaques

Lançamento do Unicom Conflitos reúne profissionais para debate com alunos

A nova edição do Jornal Unicom, produzida em cima do tema “Conflitos que transformam”, teve o lançamento oficial na noite dessa segunda-feira, 27, em um evento onde o assunto central da publicação foi debatido. Mediado pelo professor Demétrio de Azeredo Sóster, o debate iniciou após as 19h30, no auditório do Memorial da Unisc, e teve como convidados à mesa o jornalista Rodrigo Lopes, a psicóloga e socióloga Gabriela Maia e o sociólogo e professor Luiz Augusto Campis.
No primeiro momento, os três convidados tiveram a oportunidade de falar sobre conflitos que transformam – para o bem ou para o mal – a partir das perspectivas profissionais e pessoais de cada um. Quem deu início a essa fase foi Gabriela, que tratou majoritariamente sobre questões de gênero e a violência acerca disso. Dando sequência, com uma perspectiva mais sociológica, Campis falou sobre a Teoria do Conflito Social, de Karl Marx, relacionando-a com a realidade. Para finalizar, Lopes fez uma breve apresentação sobre a …

A foto censurada do Unicom



Durante o processo de produção da matéria sobre pornochanchada, para o Unicom, sempre foi uma dúvida qual seria a fotografia para ilustrar tal gênero do cinema brasileiro. Os materiais disponíveis como cartazes dos filmes da época e as fotos de atores ou atrizes causaram um embate, por um lado, por possuírem baixa qualidade e não serem aconselháveis para publicação, por outro, pela importância de realmente retratar a história e a resolução da época.

Certo dia, a colega Diana Azeredo teve a ideia da foto ser produzida em um sexshop, com uma mistura de objetos do estabelecimento com elementos que remetessem ao cinema.Com muita raça no peito entrei pela primeira vez em um sexshop. Me assustei com o que vi. As atendentes foram muito simpáticas e receptivas para emprestar os itens presentes na foto, inclusive um deles, talvez o maior, bem maior, motivo pela foto ser censurada: O PÊNIS TICO DE BORRACHA.

Sobre como foi o processo para manusear os itens, prefiro censurar também.

E afinal qual será a foto da matéria sobre pornochanchada? Nem eu sei.
Descubra na edição pornô do Unicom ;)

Comentários

Postagens mais visitadas