Pular para o conteúdo principal

Destaques

Lançamento do Unicom Conflitos reúne profissionais para debate com alunos

A nova edição do Jornal Unicom, produzida em cima do tema “Conflitos que transformam”, teve o lançamento oficial na noite dessa segunda-feira, 27, em um evento onde o assunto central da publicação foi debatido. Mediado pelo professor Demétrio de Azeredo Sóster, o debate iniciou após as 19h30, no auditório do Memorial da Unisc, e teve como convidados à mesa o jornalista Rodrigo Lopes, a psicóloga e socióloga Gabriela Maia e o sociólogo e professor Luiz Augusto Campis.
No primeiro momento, os três convidados tiveram a oportunidade de falar sobre conflitos que transformam – para o bem ou para o mal – a partir das perspectivas profissionais e pessoais de cada um. Quem deu início a essa fase foi Gabriela, que tratou majoritariamente sobre questões de gênero e a violência acerca disso. Dando sequência, com uma perspectiva mais sociológica, Campis falou sobre a Teoria do Conflito Social, de Karl Marx, relacionando-a com a realidade. Para finalizar, Lopes fez uma breve apresentação sobre a …

Guerra e separação

Sou uma pessoa apaixonada por cinema e música. Vejo que amo muito mais  'Hollywood'. Meus preferidos são os longas de suspense, terror e drama. Os filmes de guerra costumam ser cheios de emoções e com cenas fortes. A separação aparece em muitos deles. São os judeus separados dos alemães, são filhos separados de pais....


Uma dica é 'A Lista de Schinlder' de 1993 que venceu sete estatuetas na Cerimônia do Oscar em 1994 e ainda Globo de Ouro.  Traz como tema a Segunda Guerra Mundial. Com direção de Steven Spielberg, traz no elenco atores de peso como Liam Neeson e Ralph Fiennes. Já assisti inúmeras vezes!A primeira foi quando eu tinha uns 11 anos. O filme é em preto e branco. No entanto, a única personagem que aparece em cores é uma menina com um casaco vermelho. É uma das cenas que marcou.

O link para o trailer é https://www.youtube.com/watch?v=93k16-EI2dM


                                     Menina de vermelho é a única cena colorida do filme de 1993





Comentários

Postagens mais visitadas