Pular para o conteúdo principal

Destaques

Lançamento do Unicom Conflitos reúne profissionais para debate com alunos

A nova edição do Jornal Unicom, produzida em cima do tema “Conflitos que transformam”, teve o lançamento oficial na noite dessa segunda-feira, 27, em um evento onde o assunto central da publicação foi debatido. Mediado pelo professor Demétrio de Azeredo Sóster, o debate iniciou após as 19h30, no auditório do Memorial da Unisc, e teve como convidados à mesa o jornalista Rodrigo Lopes, a psicóloga e socióloga Gabriela Maia e o sociólogo e professor Luiz Augusto Campis.
No primeiro momento, os três convidados tiveram a oportunidade de falar sobre conflitos que transformam – para o bem ou para o mal – a partir das perspectivas profissionais e pessoais de cada um. Quem deu início a essa fase foi Gabriela, que tratou majoritariamente sobre questões de gênero e a violência acerca disso. Dando sequência, com uma perspectiva mais sociológica, Campis falou sobre a Teoria do Conflito Social, de Karl Marx, relacionando-a com a realidade. Para finalizar, Lopes fez uma breve apresentação sobre a …

Nova coleção de livros infantis conta histórias de mulheres reais

Você, assim como eu, certamente nasceu em uma época em que os livros infantis eram de histórias sobre super-heróis e de princesas. Histórias como a Branca de Neve, Chapeuzinho Vermelho, Rapunzel, Cinderela, Batman e Robin Hood, foram contadas por muitas gerações. Todas as meninas em suas brincadeiras se imaginavam princesas, e os meninos pensavam ser super-heróis que iriam salvar o mundo.

Recentemente, a editora argentina Chirimbote, lançou dois livros sobre histórias de mulheres reais. São livros infantis, pensados e ilustrados para atrair o olhar das crianças e dos jovens. Um deles conta a história da pintora mexicana Frida Kahlo, o outro conta a da cantora e compositora chilena, Violeta Parra. São narrativas de mulheres reais que, ao invés de trazerem aventuras de príncipes, super-heróis e princesas, contam de uma forma divertida as histórias de “super mulheres” de verdade.

O nome da coleção dos livros infantis é Antiprincesas, e se você não conhece a história delas ou lembra vagamente do que estudou sobre elas no ensino médio, essa é uma boa oportunidade para descobrir e relembrar um pouco do trabalho dessas mulheres.


Foto: Divulgação/Chirimbote                                
     Capa do livro sobre a cantora e compositora chilena, Violeta Parra

Comentários

Postagens mais visitadas