Pular para o conteúdo principal

Destaques

Lançamento do Unicom Conflitos reúne profissionais para debate com alunos

A nova edição do Jornal Unicom, produzida em cima do tema “Conflitos que transformam”, teve o lançamento oficial na noite dessa segunda-feira, 27, em um evento onde o assunto central da publicação foi debatido. Mediado pelo professor Demétrio de Azeredo Sóster, o debate iniciou após as 19h30, no auditório do Memorial da Unisc, e teve como convidados à mesa o jornalista Rodrigo Lopes, a psicóloga e socióloga Gabriela Maia e o sociólogo e professor Luiz Augusto Campis.
No primeiro momento, os três convidados tiveram a oportunidade de falar sobre conflitos que transformam – para o bem ou para o mal – a partir das perspectivas profissionais e pessoais de cada um. Quem deu início a essa fase foi Gabriela, que tratou majoritariamente sobre questões de gênero e a violência acerca disso. Dando sequência, com uma perspectiva mais sociológica, Campis falou sobre a Teoria do Conflito Social, de Karl Marx, relacionando-a com a realidade. Para finalizar, Lopes fez uma breve apresentação sobre a …

Leitores comentam sobre o Unicom Medos

Orgulho. Esta é a palavra que define o que estou sentindo em poder ter integrado a equipe do Unicom Medos. Receber elogios e ver que a galera está curtindo o jornal, dá uma sensação de dever cumprido. Alguns leitores comentaram sobre o que acharam da edição que foi lançada no último dia 3. Confira abaixo e comente você também!
                                                                                        Fotos: Priscila Oliveira
Fotos: Priscila Oliveira
"Achei o jornal super criativo, 
convidativo e com  matérias super 
bem escritas. O tema foi bem abordado
em todos os sentidos, emocional,
 informativo, entre outros. Deu até 
para ter matéria preferida. 
Estão de parabéns, muito bom!"
Estela Frantz, 26 anos.
"Até então não havia lido nenhum
Unicom ainda mas, me surpreendi
com a qualidade do jornal, tanto da
diagramação, quanto das reportagens.
Os repórteres utilizaram uma
linguagem leve, tornando a leitura
bem agradável. Ao ler o jornal
a impressão que tive é que essa
turma vai longe. Sucesso à todos."

Robson Cardoso, 33 anos.
"Ficou muito bacana o jornal.
O layout diferente chamou minha
atenção. Quanto às reportagens,
gostei muito também. As pautas
são bem diversificadas e atraentes."
Jefferson Junkherr, 18 anos.
"As reportagens, de um modo geral, são
bem interessantes. Elas relacionam o
medo a vários tipos de sentimentos de
pessoa para pessoa. O que me chamou
bastante atenção foi a desenvoltura dos
repórteres na maneira como escreveram.
Achei excelente a maneira como
abordaram o tema. Ao ler o jornal
ressurgiu a minha vontade em cursar
jornalismo e a paixão por histórias.
Parabéns à equipe." 

Martina Xavier, 24 anos.

Comentários

Postagens mais visitadas