Pular para o conteúdo principal

Destaques

Lançamento do Unicom Conflitos reúne profissionais para debate com alunos

A nova edição do Jornal Unicom, produzida em cima do tema “Conflitos que transformam”, teve o lançamento oficial na noite dessa segunda-feira, 27, em um evento onde o assunto central da publicação foi debatido. Mediado pelo professor Demétrio de Azeredo Sóster, o debate iniciou após as 19h30, no auditório do Memorial da Unisc, e teve como convidados à mesa o jornalista Rodrigo Lopes, a psicóloga e socióloga Gabriela Maia e o sociólogo e professor Luiz Augusto Campis.
No primeiro momento, os três convidados tiveram a oportunidade de falar sobre conflitos que transformam – para o bem ou para o mal – a partir das perspectivas profissionais e pessoais de cada um. Quem deu início a essa fase foi Gabriela, que tratou majoritariamente sobre questões de gênero e a violência acerca disso. Dando sequência, com uma perspectiva mais sociológica, Campis falou sobre a Teoria do Conflito Social, de Karl Marx, relacionando-a com a realidade. Para finalizar, Lopes fez uma breve apresentação sobre a …

Quando o jogador de futebol abre a boca...


Ah os jogadores de futebol... Simplesmente quando dão entrevistas polêmicas e memoráveis são difíceis de esquecer, tanto os jornalistas e telespectadores adoramos quando o jogador tem a palavra junto ao microfone.

Podemos considerar que o auge dos futebolistas bocudos foi nos anos 90, onde o futebol brasileiro obteve novamente um destaque gigante ao ganhar a Copa do Mundo de 1994, a Copa América e a Copa das Confederações no respectivo ano de 1997.

Jogadores como Edmundo, Romário, Vampeta eram conhecidos por suas declarações tanto bizarras e polêmicas.

Nos últimos anos, temos visto jogadores como o Ronaldinho Gaúcho xavecar uma repórter, o atacante Marinho atuando pelo Ceará e esqueceu que estava suspenso para o próximo jogo ao tomar um cartão amarelo e soltou a famosa pérola “que m**** hein?!”.

Vamos selecionar alguns jogadores com frases poéticas e memoráveis:

Edmundo: o Vasco empatou com o Fortaleza no campeonato brasileiro de 2003 e ficou sem vencer seis jogos seguidos, o repórter foi entrevista-lo sobre a partida e o jogador apenas parafraseou: “O time é ruim, só isso”.
Em um jogo pelo Vasco... “Juiz me xinga, errei o primeiro passe e a torcida vaiou, quatro meses sem receber, preciso falar mais alguma coisa?”
Sobre um juiz que apitou um jogo do Vasco... “A gente vem na Paraíba e um paraíba apita o jogo, dá nisso e a gente sai prejudicado”.

Luis Fabiano: Após ser expulso em uma partida pelo campeonato brasileiro de 2003, declarou. “O negócio é sumir porque no Brasil não dá mais pra jogar”
Pensando ser perseguido pela arbitragem, e ao ser expulso por uma juíza, soltou o verbo “Só podia ser mulher mesmo, o que eu fiz sua burra?”.
Em um jogo do São Paulo contra o River Plate pela sul-americana, o jogador envolvido numa confusão, fez pouco em caso ao ser expulso e ficar de fora das disputas dos pênaltis ao dizer. “Entre bater um pênalti e ajudar na briga, eu prefiro brigar”.

A saga de Vampeta também teve declarações bizarras...
Sobre jogar no Flamengo e não receber o pagamento no fim do mês... “Eles fingem que pagam e eu finjo que jogo”.
Chegando ao Brasil após o pentacampeonato da seleção brasileira, declarou. “Vim bebendo desde o Japão e cheguei no palácio pra lá de Bagdá”

E claro que não poderia falta ele, o eterno baixinho e artilheiro Romário, com suas irreverentes entrevistas e declarações...
Incomodado comas críticas no ano de 1999 falou... "Sou que nem dinheiro: no fundo, todo mundo quer um pouquinho".
Sobre o Zico, lendário jogador do Flamengo e da seleção de 82... "Zico perdeu as três Copas dele como jogador e uma como coordenador. É um perdedor nato"
Soltando o verbo sobre o comentarista e ex-jogador Walter Casagrande em uma entrevista... “O Casagrande nunca chutou em lugar nenhum, nunca foi campeão de p**** nenhuma, quem é o Casagrande pra falar de mim? Não existe... e tenho que aturar ele falar de mim, falar de mim não, falar um monte de m**** de mim na televisão, como se ele conhecesse alguma coisa de futebol, não sabe de nada...”.
E claro que não poderia deixar de falar da clássica briga com o Rei Pelé...


Comentários

Postagens mais visitadas